Espelho, espelho meu, existe alguém como eu?

Autorretratos fazem parte da história da humanidade, da história da arte. Eternizar a própria imagem, deixar um registro, uma marca, nos acompanha desde os tempos das cavernas até os dias atuais.

Artistas como Rubens, Rembrandt, Velázquez, Courbet, Cézanne, Van Gogh, Monet, Picasso, Munch, Frida Kahlo, entre muitos outros se representaram uma, duas, várias vezes e em diferentes situações e épocas de sua vida. Artistas contemporâneos, como por exemplo Vik Muniz, Arnulf Rainer e Takashi Murakami,continuam se representando e alguns fazem do autorretrato o centro de toda a sua obra como a artista americana Cindy Sherman.

Vinte e três artistas foram convidados para participar desta exposição temática. Com linguagens distintas fizeram seus autorretratos. Alguns de forma mais literal, outros de forma mais abstrata. Cada um desenvolveu sua obra de acordo com o momento vivido, momento atual ou momento passado.

Ao olhar para cada um destes autorretratos, meu pensamento se volta para o meu autorretrato, em como eu me representaria, em como sou, em como eu me vejo. Quem eu vejo no espelho sou eu?

Que ângulo me favorece, quais minhas expressões mais comuns, que sentimento estampa meu rosto, o que faz com que eu seja único, o que me faz igual?
Que flor, que cor, que número, que animal me representa?

Eu me vejo no olhar do outro?

Retratar-se é um desafio, mesmo para estes talentosos artistas. Cada rosto tem muito mais que uma história, tem muitos momentos, muitos pensamentos, muitos sentimentos, e escolher um para eternizar não parece ser uma tarefa fácil.

Deixo aqui registrado o meu agradecimento aos artistas que abraçaram este projeto e que com suas imagens participaram. Meu desejo é que muitos autorretratos sejam possíveis na construção da nossa trajetória.

 

Amélia Piza - "Autorretrato" (100 x 80 cm - AST - 2011)

Bel Miller - "Cabeça Florida" (50 x 40cm - Colagem e Acrílica sobre Madeira - 2009)

Cris Mason - "Autorretrato" (40 x 29,5 cm - AST - 2011)

Daniel Fontoura - "Autorreflexo" (54 x 60 cm - Fotografia - 2010)

Eliete Maesano - "Autorretrato" (70 x 50cm - AST - 2001)

Eris Focesi - "Autorretrato" (80 x 60 cm - AST - 2011)

Fernanda Meirelles - "Autorretrato" (120 x 80 cm - AST - 2011)

Inês Vitória - "Faces de Mim" (90 x 60 cm - Acrílica e Colagem sobre Tela - 2011)

Jaci Mattos - "Autorretrato" (80 x 100 cm - Técnica Mista sobre Tela - 2011)

Jacqueline Giovannini - "Autorretrato" (31,5 x 26,5 cm - OST - 2011)

Jhorie - "Autorretrato" (40 x 30 cm -Pastel - 2011)

Laís Lopes – “Autorretrato #5” (40 x 40 cm – Fotografia – 2011)

Leandro Carvalheira - "Mago Magnético Branco" (100 x 100 cm - Lápis sobre canson - 2011)

Léia Puton - "Autorretrato" (70 x 7 0cm - OST - 2011)

Leticia Freire - "Reflexão" (Fotografia Analógica P&B - 2011)

Luciana Futuro - "O Atelier e Eu" (80 x 60 cm - AST - 2009)

Odhila Renófio - "Autorretrato" (33,5 x 23,5 cm - OST - 1986)

Rita Biagi - Sem Título (100 x 100 cm - Técnica Mista sobre Tela - 2009)

Saramello - “Autorretratos” (20,3 x 12,7 cm (cada) - Aquarela sobre Papel - 2011)

Sueli Martini - "Autorretrato" (80x60 cm - Reprodução Giclée em Canvas - 2011)

Suzana Garcia - "Autorretrato de Suzana" (120 x 115 cm - Acrílica sobre digigrafia sobre tela - 2011)

Vera Pimenta - "Autorretrato" (100 x 120 cm - AST - 2011)

Yvone Karam - "Autorretrato" (39 x 29 x 14 cm - Bronze - 1998)

Yvone Karam - "Autorretrato" (40 x 30 cm - Óleo sobre Tela - 1997)

Anúncios

13 Comentários

Arquivado em Arte, Exposições, São Paulo

13 Respostas para “Espelho, espelho meu, existe alguém como eu?

  1. Sueli OVB

    Muito bom!
    Adorei!

  2. Olhar cada AUTORRETRATO é uma espécie de mergulho fantástico que se faz em um mumdo pessoal do artista que se retrata.E vale a pena dar este mergulho, pois embora, não se obtenha respostas exatas, ao retornar à superfície, se tem uma nova visão de mundo, captada de um belo apanhado de cores, formas e expressões de vidas que se revelam através da beleza e de símbolos que só aos poucos serão desvendados…E estão todos muito LINDOS!!!

  3. Bel Miller

    Querida Tania, parabens pela tua inspiraçao! O texto esta lindo!

    Beijos.

    Bel Miller

  4. Adri Volpi

    Maravilhoso!!!
    o texto e o conjunto dos trabalhos!
    Parabens,querida!

  5. Sueli Martini

    Paranéns Tania. O projeto saiu maravilhoso!
    Que outros mais autorretratos apareçam, muito, muitos.
    Um beijo, Sueli

  6. Voce é muito talentosa e sabe levar nossa arte ao público . Agradeço por ter te conhecido. Sem voce meu trabalho nao teria o sucesso que tem hoje. Muito obrigado querida amiga . Te adoro! Grande abraço e muito sucesso na exposição. Léia

  7. eymard

    Tania, ainda bem que voce me chamou nova atençao sobre esse belissimo trabalho. Como me vejo? Como acho que me veem? Autoretratar-se é desnudar-se. Precisa coragem. Gostei da proposta, do seu texto e dos trabalhos que voce colou. Ate Daniel resolveu se autofotografar! Gostei do resultado. Se for a SP ate 06 de setembro vou conferir a exposiçao. abs, Eymard.

    • Eymard, venha sim!! A exposição está super bonita..Acho que você ainda não conhecia o trabalho de fotografia do Daniel, ele tem uma série muito interessante de autorretratos. Um abraço e obrigada
      Tania

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s